Você sabe o que é cardio-oncologia?


No Brasil, as últimas estatísticas do Instituto Nacional de Câncer (INCA) apontam uma estimativa de 600 mil casos anuais de câncer na população adulta e de 13 mil por ano na faixa infanto-juvenil. Entretanto, mesmo com a eficácia do tratamento, ele pode também trazer perigos ao coração, devido aos efeitos colaterais das drogas que podem afetar o sistema cardiovascular – a chamada cardiotoxicidade. Saliente-se o fato de que as doenças cardiovasculares lideram as causas de morbidade e mortalidade entre os pacientes oncológicos, depois das complicações relacionadas à própria doença. Pacientes sobreviventes ao câncer necessitam de acompanhamento cardiológico durante toda vida, visando controlar eventuais situações diagnosticadas durante ou após o tratamento oncológico, permitindo intervenções em tempo hábil.

Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes